Festival do Rio on-line: 44 brasileiros, inéditos e grátis


Cena de Um Animal Amarelo: exibição na segunda (9) e na terça (10) (foto: divulgação)


Depois de uma mostra que apresentou, no streaming do Telecine, títulos estrangeiros como Bela Vingança, o Festival do Rio faz agora a Première Brasil 2020. São 43 filmes nacionais, de 6 a 15 de agosto, grátis e também no formato on-line.


Também haverá sessões presenciais (e gratuitas) no Estação Net Botafogo, no Rio de Janeiro. As sessões virtuais, para todo o Brasil, ocorrem na plataforma InnSaei.tv.


A seleção apresenta títulos inéditos nos cinemas, com dez longas-metragens de ficção e oito documentários, além de 25 curtas. Atenção: eles ficam disponíveis por 48 horas (alguns terão reprise na repescagem) e há número limitado de visualizações. Seja rápido!


Entre os destaques, há Valentina, um gracioso drama sobre uma garota trans, O Animal Amarelo e King Kong en Asunción, ambos premiados no Festival de Gramado do ano passado. Igualmente importantes são Casa de Antiguidades, que esteve entre selecionados para competir à vaga do Oscar de filme estrangeiro, e Meu Nome É Bagdá que, nos últimos dias, ganhou atenção da mídia por retratar uma skatista de São Paulo.


Longas de ficção

A Morte Habita à Noite, de Eduardo Moroto

Um Animal Amarelo, de Felipe Bragança

Casa de Antiguidades, de João Paulo Miranda Maria

Curral, de Marcelo Brennand

Desterro, de Maria Clara Escobar

King Kong en Asunción, de Camilo Cavalcante

Longe do Paraíso, de Orlando Senna

Meu Nome É Bagdá, de Caru Alves de Souza

Pajeú, de Pedro Diógenes

Valentina, de Cássio Pereira dos Santos


Longas documentários

eagoraoque, de Jean-Claude Bernardet e Rubens Rewald

Chico Rei Entre Nós, de Joyce Prado

Depois da Primavera, de Isabel Joffily e Pedro Rossi

Limiar, de Coraci Ruiz

Luz Acesa, de Guilherme Coelho

Para Onde Voam as Feiticeiras, de Eliane Caffé, Carla Caffé e Beto Amaral

Quadro Negro, de Bruno F. Duarte e Silvana Bahia

Vil Má, de Gustavo Vinagre


Para a programação e títulos em curta-metragem, consulte o site do festival aqui.


Valentina: o cotidiano de uma garota trans (foto: divulgação)


Programação de longas-metragens


6 de agosto (sexta)

Quadro Negro

Valentina


7 de agosto (sábado)

Quadro Negro

Valentina

Depois da Primavera

King Kong En Asunción


8 de agosto (domingo)

Depois da Primavera

King Kong en Asunción

Para Onde Voam as Feiticeiras

Casa de Antiguidades


9 de agosto (segunda)

Para onde voam as feiticeiras

Casa de Antiguidades

Vil má

Pajeú

Um Animal amarelo


10 de agosto (terça)

Vil má

Pajeú

Um Animal amarelo

Limiar

A Morte Habita à Noite


11 de agosto (quarta)

Limiar

A Morte Habita à Noite

eagoraoque

Luz Acesa


12 de agosto (quinta)

eagoraoque

Luz Acesa

Chico Rei Entre Nós

Pajeú

Desterro


13 de agosto (sexta)

eagoraoque

Chico Rei Entre Nós

Depois da Primavera

Limiar

Luz Acesa

Para onde voam as feiticeiras

Quadro negro

Vil má


14 de agosto (sábado) e 15 de agosto (domingo)

Repescagem


eagoraoque

Chico Rei Entre Nós

Depois da Primavera

Limiar

Luz Acesa

Para onde voam as feiticeiras

Quadro negro

Vil má


INSCREVA-SE aqui para receber a Newsletter


201 visualizações

Posts recentes

Ver tudo