top of page

Golpista do Tinder tem mesmo 4 contas no Instagram?


Simon Leviev num iate: o luxo continua (foto: reprodução do Instagram)


Eu ainda vou escrever sobre O Golpista do Tinder, o documentário da Netflix que está fazendo o maior sucesso no Brasil e no mundo. Gostei, mas tenho algumas ressalvas a fazer – num próximo post. Este é para mostrar que Simon Leviev, o israelense que enganou várias mulheres (três delas aparecem no filme), continua livre e... ostentando!


Segundo uma matéria do jornalista Fefito, do BuzzFeed, de quinta-feira (dia 3), a conta de Simon Leviev tinha 136 mil seguidores (ganhou 26 mil após o documentário!). Agora o mistério é descobrir qual das QUATRO contas que surgiram dois dias atrás (na sexta) é a verdadeira. Ou se todas são falsas.


A que mais me convenceu é a simon.leviev.of (que tem 7500 seguidores) e, na bio, ele escreve que sua conta antiga foi hackeada e “esta é a nova”. Nos stories, que eu printei (veja abaixo), ele já diz que o Instagram deletou a conta e agradece o apoio dos "fãs" - e o pior é que ele tem!. O estranho é a sequência de fotos do feed. No mesmo dia, ele marca como estando na Estônia, depois em Tenerife, em seguida em Tel Aviv e, por último, na Turquia. Nos stories, ele aparece embarcando num jatinho e, nas mais recentes imagens, está entrando num carro de luxo, em um país que parece Israel, e chegando para uma "party".


Outra conta (simon__leviev__official) tem mais de 50 mil seguidores. Na último foto do feed, ele está Israel. Em simon_leviev_offilcial, com quase 14 mil seguidores, ele mostra, num story, que uma jornalista russa quer fazer uma entrevista para dar o ponto de vista dele da história (veja abaixo). Ele responde que, para uma chamada de zoom, de 30 minutos, cobra 10 mil dólares - e compartilhada com outros interessados!!


A que pareceu menos confiável é a simon__leviev_official___, com apenas 244 seguidores. Banquei mesmo o detetive porque o caso me intrigou muito. Só que ainda estou sem respostas. Seriam contas verdadeiras ou de pessoas se passando por Simon Leviev? Assim como Simon, há aproveitadores em busca de cliques a todo custo.


Ele diz que falará seu lado da história em "alguns dias" e que as pessoas mantenham a mente e coração abertos.


Ele diz que o Instagram deletou a conta anterior e que está fazendo de tudo para recuperá-la. Enquanto isso, agradece o apoio, continua curtindo a vida e que ama a todos.


Agradece o apoio de todos pelas palavras gentis e que está preparando informações importantes. "Tenham calma".


Nesta outra conta, uma jornalista russa pede uma entrevista - e Simon responde dizendo que cobra 10 mil dólares por um bate-papo de 30 minutos.



2.655 visualizações

Posts recentes

Ver tudo

Comments


bottom of page