top of page

Jaula: uma trama que pode parecer absurda, mas não é


Jaula: drama e suspense no filme espanhol


Primeiro longa-metragem do diretor Ignacio Tatay, o espanhol Jaula, que está na Netflix, é um grata surpresa. Trata-se de uma engenhosa e intrigante mistura de suspense e drama, com um desfecho estarrecedor. Mas vale o aviso: preste bem atenção aos detalhes para não perder o fio da meada.


Tudo começa quando o casal Simón e Paula (Pablo Molinero e Elena Anaya) encontra uma garota perdida na estrada. Chamada de Clara, a identidade dela é desconhecida. Eles a levam para o hospital. A menina não fala e só consegue ficar quieta num quadrado feito com risca de giz.


Os dias se passam e a pálida Clara continua na mesma. Como Paula se apegou demais à garota, decide levá-la para viver em sua casa e tentar extrair algo mais de sua vida pessoal.


O novelo, aos poucos, vai se desfazendo e, com ele, o pesadelo vai tomando forma. A conclusão de quem é Clara e de como ela foi parar na estrada é, além de chocante, perturbador, sobretudo porque o caso, embora pareça absurdo, é mais comum do que a gente pensa.






1.814 visualizações

Posts recentes

Ver tudo

댓글


댓글 작성이 차단되었습니다.
bottom of page