Predadores Assassinos: pavor e sustos garantidos


Kaya Scodelario: pavor dos jacarés gigantes


Alexandre Aja é o diretor de A Nona Vida de Louis Drax, que comentei aqui no site não faz muito tempo. Especialista em filmes de terror, ele realizou, entre outros, Viagem Maldita (2006) e Amaldiçoado (2013). Antes de Oxigênio, que estreou em maio de 2021 na Netflix, fez talvez seu melhor filme: Predadores Assassinos, que chegou à Netflix.


É uma trama simples, com poucos personagens e muitos jacarés gigantes, propositalmente fakes. Uma tormenta atinge a Flórida e, preocupada com o desaparecimento de seu pai (Barry Pepper), Haley (Kaya Scodelario) vai até a casa dele sob uma chuva torrencial.


Não demora muito para a história surtir o efeito desejado. Isolada num porão inundado, a moça terá de se preparar para enfrentar os jacarés monstruosos que passam a cercá-la. Cada bote dos bichões é susto. Esqueça o enredo absurdo e se deixe levar pela tensão e o clima de pavor, duas qualidades que o cineasta sabe trabalhar bem.



INSCREVA-SE aqui para receber a Newsletter



178 visualizações

Posts recentes

Ver tudo