Netflix e Amazon: 10 ótimas séries de crimes reais


Cena de A Mente do Assassino: Aaron Hernandez


Gosto de séries documentais sobre crimes e tivemos um excelente exemplar brasileiro com O Caso Evandro, que está no Globoplay. A Netflix e o Amazon Prime Video concentra várias delas. Algumas com personagens que ficaram lendários, como Ted Bundy, e outras com assassinatos que vieram à tona sem muito alarde na mídia.

Fiz uma lista com dez séries que eu gostei muito. Todas são envolventes e não menos chocantes. Será que você já viu todas?


Na Netflix


O Caso Gabriel Fernandez > O menino Gabriel, de 8 anos, morreu em 24 de maio de 2013, dois dias depois de dar entrada num hospital e ficar em coma induzido. A autópsia confirmou que o garoto tinha uma grande quantidade de hematomas e ferimentos pelo corpo. Foi, então, que a polícia passou a suspeitar da mãe e do padrasto de Gabriel que, durante oito meses, viveu sob tortura.


A Mente do Assassino: Aaron Hernandez > Em apenas três episódios, a série reconta a trajetória de Aaron Hernandez, jogador de futebol americano do Patriots e ídolo da torcida. Em 2013, porém, o carismático esportista foi acusado de assassinar o namorado da irmã de sua noiva, que era também seu amigo.


Conversando com um Serial Killer — Ted Bundy > O jornalista Stephen Michaud fez uma entrevista só em áudio com Ted Bundy, em 1980. O serial killer estava condenado à cadeira elétrica. Foram mais de cem horas de depoimentos até que o repórter conseguiu saber algo mais pessoal do assassino.


Bandidos na TV > Wallace Souza fazia sucesso com seu programa de TV, no Amazonas e, por atacar diariamente os bandidos, se tornou inimigo dos criminosos locais. Foi, então, que veio à tona uma história estarrecedora: Wallace encomendava a morte de pessoas em troca de audiência.


Quem Matou María Marta? > María Marta era socióloga e pertencia à alta sociedade da Argentina. Em 2002, foi encontrada morta na banheira de sua casa. O marido acreditou tratar-se de um acidente doméstico, mas a autópsia revelou que ela havia sido assassinada. O caso, aos poucos, vai sendo elucidado e deixando o espectador perplexo com as revelações.


Cena do Crime — Mistério e Morte no Hotel Cecil > Elisa Lam, uma jovem canadense, se hospedou no Cecil Hotel, em Los Angeles, em fevereiro de 2013. O local era ponto de prostitutas e traficantes e ficava numa região decrépita da cidade. Dias depois, Elisa desapareceu, mas deixou seus pertences no hotel. Teria sido assassinada ou estava escondida nas dependências, já que as câmeras de segurança não registram sua saída do Cecil?


Os Filhos de Sam > Entre 1976 e 1977, Nova York foi aterrorizada pelos crimes cometidos por um matador. A imprensa e a opinião pública foram decisivas para pressionar os investigadores - até que o culpado foi encontrado. Ele seria David Berkowitz, um carteiro de 24 anos, que confessou os assassinatos. Entra em cena Maury Terry, um repórter obstinado em defender sua tese de que Berkowitz não cometia os crimes sozinho.


Jeffrey Epstein — Poder e Perversão > São quatro episódios que mostram as duas décadas de abusos e estupros de garotas, cometidos pelo bilionário americano Jeffrey Epstein. Os depoimentos das vítimas são chocantes, assim como a “listinha” de amigos pessoais do criminoso, que incluía os nomes de Donald Trump, Bill Clinton e do príncipe Andrew, filho da rainha Elizabeth II.


No Amazon Prime Video


Lorena > Foi em 23 de junho de 1993 que Lorena Bobbitt cortou o pênis de seu marido, John. A história ganhou a mídia, causou comoção e alvoroço mundial. Agora, Lorena, que na época foi tratada como uma vilã de sangue frio, conta sua versão com passagens de violência doméstica.


Ted Bundy — Falling for a Killer > Há um diferencial em relação à série da Netflix: o ponto de vista é de Elizabeth Kendall, a jovem mãe solteira que namorou Ted Bundy durante quatro anos. Ela relembra como o conheceu, em 1969, e como ignorou por um longo tempo suas matanças.


INSCREVA-SE aqui para receber a Newsletter


737 visualizações

Posts recentes

Ver tudo