Deserto Particular: o Brasil vai para o Oscar em 2022?


Daniel (Antonio Saboia): à procura de Sara


Deserto Particular, em cartaz nos cinemas, foi o filme escolhido para representar o Brasil no Oscar. Dá para dizer que foi uma surpresa, já que (quase) tudo indicava que seria 7 Prisioneiros, por ser uma produção da poderosa Netflix. Mas eu gostei do resultado e vamos saber, dentro de alguns dias, se o Brasil vai estar entre os semifinalistas.


Quanto menos você souber do filme, melhor. Eu li comentários de amigos e a surpresa não foi tão grande. Mesmo assim, me envolvi bastante com a história de Daniel (Antonio Saboia), um policial de Curitiba que foi afastado do trabalho e aguarda julgamento por ter agredido violentamente um recruta. Daniel passa os dias cuidando do pai, um militar aposentado, que tem a doença de Alzheimer. Seu único alento é mandar mensagens para Sara, uma moça do Nordeste que ele conheceu pela internet. Cansado de tudo e de todos, Daniel joga tudo para o alto e pega a estrada em direção à amada.


A jornada errante do protagonista começa aí - e o filme também. Numa longa viagem a partir do Sul do país, o diretor Aly Muritiba descortina as diferenças das paisagens brasileiras, assim como mostra os contrastes de Sobradinho e Juazeiro (na Bahia) e de Petrolina (em Pernambuco). São cidades vizinhas, porém em estados diferentes, separadas por um rio - e a cena em que Daniel faz a travessia de barco com o personagem de Thomas Aquino é de uma beleza ímpar.


A beleza também está na relação que nasce entre Daniel e Sara. Após a tempestade, vem a bonança. A desconstrução do machismo de Daniel é suave e pausada, na velocidade tranquila de um pôr do sol no Rio São Francisco.


Aly Muritiba, baiano radicado no Paraná, fez longas-metragens interessantes como Para Minha Amada Morta e Ferrugem. Ainda em 2021, estreou a excelente série documental O Caso Evandro, no Globoplay, dirigida por ele. Deserto Particular é, até agora, seu filme mais maduro, instigante e consistente e, com a atuação de Saboia, a dobradinha ganha mais veracidade e valor. E respondendo à pergunta do post: não sei dizer se será escolhido, mas o Brasil acertou na indicação para o Oscar?



INSCREVA-SE aqui para receber a Newsletter

343 visualizações

Posts recentes

Ver tudo