top of page

O Ano em que Comecei a Vibrar por Mim: duas risadas


A mulher que descobre o prazer: público feminino?


Uma amiga me recomendou a comédia sueca O Ano em que Comecei a Vibrar por Mim, da Netflix. Eu não gosto de rotular em filmes para homens e para mulheres, mas, neste caso específico, acredito que ele seja voltado para o público feminino.


A história é sobre uma mulher de 39 anos que só tem tempo para o trabalho e, assim, negligencia a relação com o marido e com o pequeno filho. Quando ela decide jogar o emprego para o alto, ele pede a separação. O que fazer?


Dei umas duas ou três risadas porque achei que o humor beira a vulgaridade fazendo, por exemplo, piadas com vibradores. Mas como já disse, eu não sou o espectador-alvo. Você, minha seguidora, talvez goste.






189 visualizações

Posts recentes

Ver tudo

Comments


Commenting has been turned off.
bottom of page