Clichês de Hollywood informa, mas é rápido e rasteiro


Rob Lowe é o apresentador (foto: Netflix)


Clichês de Hollywood - O Cinema como Você Sempre Viu, na Netflix, é um documentário curto (menos de uma hora) que busca encontrar, óbvio, clichês do cinema e, assim, fazer um registro bem-humorado. Embora tenha algumas curiosidades, os problemas também existem.


Acho a duração pequena para abordar algo tão extenso. O jeito, então, foi condensar vários clichês com poucos exemplos, o que enfraquece a "teoria". Em geral, surgem cenas de três filmes para ilustrar lugares-comuns, como "a mulher correndo de salto alto numa situação de perigo" ou os inacreditáveis malabarismos de carros em blockbusters como Velozes e Furiosos. Quando um tema começa a agradar, já vem outro na sequência.


Eu gostei mais da parte "séria", sobre o Código Hays. Criado pelo advogado e político Will Hays na década de 30 e estendido até os anos 60, visava censurar e/ou proibir cenas mais ousadas, de sexo ou com alguma conotação erótica - e Hollywood driblava o código de maneiras espertíssimas.


Se os comentários de críticos e artistas (como Andrew Garfield, Florence Pugh e Mark Strong) são relevantes, a presença de Rob Lowe como apresentador é um equívoco. Ele se acha engraçado, mas não é. Talvez com astros ligados mais ao humor, como Aziz Ansari ou Tina Fey, Clichês de Hollywood ganhasse mais graça.



INSCREVA-SE aqui para receber a Newsletter

51 visualizações

Posts recentes

Ver tudo