top of page

Chuva Negra: afetos e desajustes de uma família


Pitombo, Primot e Vanessa: brigas e afetos


Uma história instigante, ótimas atuações e sensibilidade. Você vai encontrar essa harmoniosa união em Chuva Negra, disponível para os assinantes do Canal Brasil, via Globoplay ou no NOW da ClaroTV.


Só um pequeno spoiler: o primeiro episódio termina com o desaparecimento de um avião onde estavam os pais dos irmãos Vitor (Rafael Primot) e Zeca (Marcos Pitombo). Eles têm estilos de vida opostos e, por obra do destino, terão de conviver sob o mesmo teto. Vitor é casado com Julie (Vanessa Giácomo), que acabou de ser mãe.


Os desejos à flor da pele vão aflorar num enredo que não se intimida em abordar a sexualidade, mas que, do meu ponto de vista, quer transmitir o sentimento de desorientação dos personagens por causa da ruptura de uma família.


Denise Del Vechio também está ótima como a tia intrometida e Júlia Lemmertz e Zécarlos Machado interpretam os pais com intensidade. Há ainda duas boas revelações: Leona Jhovs, um atriz trans, e João Simões, portador da Síndrome de Down, o que confere uma excelente representatividade à série.


Rafael Primot, também diretor e roteirista da série, merece fartos elogios por contruir um painel familiar que foge do lugar-comum, mesmo que os afetos sejam predominantes.



223 visualizações

Posts recentes

Ver tudo

Comments


Commenting has been turned off.
bottom of page