top of page

Disque Jane: sobre o direito de abortar nos EUA


A protagonista Joy: gravidez de risco em 1968


O Amazon Prime Video é uma boa plataforma de streaming, mas tentar encontrar algo bom para assistir é um caminho tortuoso. Mas foi garimpando que achei uma história verídica e muito interessante ambientada em 1968, em Disque Jane.


É sobre Joy (Elizabeth Banks), uma dona de casa de Chicago, casada e mãe de uma adolescente, que fica grávida do segundo filho. Descobre, porém, que, por causa de uma cardiopatia, pode morrer no parto. Naquela época, o aborto era ilegal nos Estados Unidos, e o hospital se nega a realizar o procedimento. O que fazer?


O filme tem uma protagonista saindo do casulo, seja em busca de sua liberdade pessoal, seja aprendendo o que é a sororidade.



135 visualizações

Posts recentes

Ver tudo
bottom of page